Translate

Pesquisar este blog

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Cuidado com as plantas que intoxicam seus animais.

Quem gosta de cultivar plantas em casa e tem animais de estimação precisa ficar atento a algumas espécies que podem intoxicar cães ou gatos. A melhor maneira de driblar esse risco é manter o jardim fora do alcance dos pets. Outra dica é sempre deixar água à disposição do bicho, para evitar que ele procure nos vasos.
Em caso de intoxicação, lave a boca e os olhos do animal em água corrente, colete partes da planta que o animal ingeriu e procure um veterinário, que deverá ser informado sobre o tipo e a quantidade de planta ingerida, o horário presumido da ingestão e os sintomas observados antes da consulta. 
Veja a seguir as 7 espécies que podem intoxicar os pets:
Plantas tóxicas para animais (Foto: Divulgação)












Comigo-ninguém-pode

Todas as partes da planta são tóxicas e produzem irritação nas mucosas. Ao ingeri-la, o animal pode apresentar irritações, queimaduras e inflamações na mucosa oral, que podem causar perda de apetite, vômito e diarreia. Alguns animais podem mostrar dificuldade para respirar. E, em casos mais graves, podem ocorrer alteração da função renal e alterações neurológicas.

 
Photographed in Golden Gate Park, San Francisco (Foto: Divulgação)























Copo-de-leite

Toda a planta é tóxica e causa irritação nas mucosas, prurido intenso na face e edema, além de salivação e paralisia no mecanismo de deglutição.

 
anturio (Foto: Divulgação)
Antúrio

Pode causar os mesmos efeitos do copo de leite.
 
Plantas tóxicas para animais (Foto: Divulgação)
Azaleia

A parte mais tóxica da planta é a folha. Porém, outras partes podem causar intoxicação, levando à depressão nos sistemas nervoso e respiratório. Vômitos prolongados, convulsões, perda do controle muscular e fraqueza estão entre os sintomas.
 
Plantas tóxicas para animais (Foto: Divulgação)

























Espada-de-São-Jorge

Possui substâncias de alta toxicidade. Entre os males que pode causar aos animais de estimação está a dificuldade de movimentação e de respiração devido à irritação da mucosa e salivação intensa.

Plantas tóxicas para animais (Foto: Divulgação)























Lírio

Nos gatos ocorre uma intoxicação sistêmica e nos cães uma indisposição gastrointestinal. Qualquer parte desta planta, se ingerida pelos gatos, deve ser considerada potencialmente tóxica, podendo causar falência renal aguda.
 
Plantas tóxicas para animais (Foto: Divulgação)











Violeta

Fonte oriental.


Painel vertical com paletes.

Projeto simples e barato!






















Ou com Paletes alinhados na parede:





segunda-feira, 5 de junho de 2017

Hidroponia simples para espaços pequenos.

irrigação hidropônico 1:

Aprenda a cultivar hortaliças em casa com o método hidropônico. Você pode utilizar sistemas em PVC, calhas,
ou garrafas PET 

Jardins para todos os gostos.

O jardim vertical da foto a seguir é perfeito para quem adora verde, mas não tem muito tempo para cuidar das plantas. Se for este o seu caso, use e abuse de plantas pendentes como tostão (dinheiro-em-penca) e columéia (peixinho), além de bromélias, orquídeas phalaenopsis suculentas. A estante que dá vida ao jardim é bem fácil de fazer em casa, em versão mini ou giga, com o uso de tijolos ou lajotinhas, tábuas de madeira e muita criatividade.
Jardim vertical com blocos de tijolos e tábuas de madeira
A varanda é pequena, mas tem a maior pinta de quintal. Boa para reunir os amigos em tardes gostosas. Já imaginou um piquenique nessa varanda? O jardim vertical foi feito com painéis de fibra de coco, vendidos em lojas de jardinagem. Mais uma vez, a dica é usar plantas pendentes, de fácil manutenção, como ripsálisaspargo-alfineteorquídeas phalaenopsis bromélias. As jardineiras do guarda-corpo têm orquídeas-bambu (orquídeas-de-jardim) bem queimadinhas de sol. Essa orquídea terrestre gosta de meia-sombra e água-fresca, beleza?
Jardim vertical
Se tudo o que você precisa é um cantinho verde, pequenino e charmoso para chamar de seu, aposte em folhagens.
Jardim vertical com folhagens
Quer um espaço charmoso para relaxar e expor sua coleção de plantas?
Jardim vertical para expor coleção de plantas
Cantinho eco-friendly para personalizar e chamar de seu: aqui o jardim vertical é feito com pallets e as latas de alumínio dormem abóboras e acordam vasos. Até panela velha rouba a cena no jardim!  
Jardim vertical com pallets e latas de alumínio
A regra aqui é: não existem regras! É perfeitamente possível trazer para o jardim aqueles objetos de decoração que normalmente ficam dentro de casa, como molduras de quadros, gaiolas e espelhos decorativos.
Jardim vertical com objetos de decoração
E aqui vai um quintal honesto pra gente admirar e morrer de inveja. O jardim vertical, feito com painel de madeira, é bem simples e funcional.
036-4970cd1911b41349dd700659d4381017
Você ama verde, mas não abre mão de uma decoração bem clean? O jardim vertical, onde as jibóias reinam soberanas, é perfeito para ambientes fechados que recebem bastante luz. E se quiser dar um toque mais romântico, aposte na hera. O mais importante, em ambos os casos, é manter a planta sob controle com podas regulares, e lembrar que elas são tóxicas, ou seja, estão proibidas em casas com crianças e bichos de estimação.
00251bd72cdd9127e2580002430._w.540_s.fit_
E mais jardins verticais em pequenos espaços, pra ninguém inventar mais desculpas!
Jardins verticais para pequenos espaços

Aqui sempre cabe mais um! Principalmente se for um velho objeto ou utensílio doméstico, prestes a ser descartado, como bolsas, sapatos, pratos, escadas, canos, janelas e por aí vai… quem ama a natureza sabe que tudo na vida se recria!  

Jardim vertical com estrutura de garrafas pets. 
Jardim vertical com garrafas pets
Jardins verticais com pallets, cadeirinha da vovó, suculentas e muita criatividade. Tem como não amar?
Jardins verticais com pallets
Jeito super diferente de plantar a hortinha caseira: em calhas de alumínio, daquelas que colocam nos telhados, e em sapateiras, daquelas que vendem aos montes nas lojinhas de utilidades domésticas.
Jardim vertical com hortas e temperos
A escada e as velhas caixas de correio também correram do lixo para o jardim vertical. Outra ideia legal é utilizar aqueles saleiros que ficam pendurados na parede.  
jv_escada_porta_sal_caixa_correio
Sabe aquela fruteira velha, horrorosa, que tá te dando nos nervos e você anda doido pra jogar fora? É perfeita para começar a plantar uma horta! Do mesmo jeito, as caixas de feira, escadas velhas e armários que iam para o lixo. Chic é reutilizar, baby!  
Jardins verticais com fruteira, caixotes de feira, escadas e móveis antigos
Até janelas velhas têm espaço no nosso jardim, no nosso coração.  
Jardins verticais com janelas
E pra finalizar, tem canos de PVC dando bobeira por aí?
jv_canos_pvc_expoflora_2013

Torre de vasos para canteiro de ervas


How to stack flower pots

Jardim de fechadura

Um jardim de buraco de fechadura recicla à medida que cresce. O design - que se parece com um buraco da fechadura de cima - incorpora um cesto central onde os resíduos de compostagem são colocados e a água da cozinha é vertida. Eles funcionam melhor que as camas levantadas normais; Como o solo é alimentado constantemente da cesta central, eles cultivam muitos vegetais em uma pequena área!

Como fazer um:

Materiais que você precisa antes de começar:
  • Grandes pedras, tijolos ou toras
  • Galhos de 150 cm
  • Palha ou palha seca
  • Mistura de terra e compostagem bem drenada, além de um estrume animal bem apodrecido
  • Vasos ou latas de plantas quebradas

  • 1. Você precisará encontrar um bom lugar para seu jardim, com muito sol e acesso a água.
  • 2. Escavar sobre um espaço de três metros quadrados. Amarre uma vara para cada extremidade de 120cm de corda. Coloque uma extremidade no centro do seu espaço e use o outro para marcar um círculo no chão. Em seguida, desenhe um triângulo de entrada, do círculo ao centro, começando em uma largura de 60cm.
Como fazer um

3. Coloque os galhos 5-10 cm de distância.Enrole o fio em torno de cada uma, anexando-o ao próximo até que estejam todos em uma linha (faça isso na parte superior e inferior das canas). O comprimento total deve ser de cerca de 130 cm. Agora, faça isso em um cilindro e coloque-o de pé no centro do seu espaço. No meio preencha esta "cesta de compostagem" com o solo superior para fazer um montículo e alinhar o seu interior com palha.
Como fazer um


4. Coloque suas pedras, tijolos ou toras ao redor do perímetro de seu jardim - isso pode ser uma única camada ou mais, mas o suficiente para manter o solo dentro.

Construa as pedras mais altas no triângulo de entrada
Faça a primeira camada do jardim de vasos ou latas de plantas quebradas para melhorar a drenagem.
Como fazer um
5. Agora comece a encher o jardim com o solo e o composto. Certifique-se de que o melhor solo vá no topo! Continue empilhando o solo até ter um monte que encoste na cesta de compostagem.
Como fazer um

6. Deixe o jardim se instalar uma semana antes de plantar suas sementes e mudas. Para começar, limpe a superfície do solo retirando o mato, depois regue a cesta com água da chuva (usando a entrada). Adicione o mato retirado ao cesto e continue adicionando restos de alimentos compostos. Um círculo de tapete no topo da cesta ajudará a acelerar o processo de compostagem. O composto irá permear o jardim e dar aos seus cultivos muitos nutrientes.
Plante e aproveite !



  • Eles são uma nova maneira divertida de refrescar seu jardim
  • Jardim fechadura são tão rápidos e fáceis de fazer - construir um em um dia e ter vegetais em questão de semanas!
  • É um ótimo uso do espaço em seu jardim e os materiais que você já possui.
  • Você vai ter muitos e mais vegetais, mais do que alinhando.
  • O design engenhoso significa que você vai obter colheitas durante todo o ano também - mesmo durante um clima muito quente.
  • Eles são uma maneira brilhante de reciclagem de lixo e água.
  • As pessoas idosas e deficientes acham-no uma altura ideal para jardinagem

Organizar plantas e elementos.

Resultado de imagem para sustainable garden
A escolha de cores, tamanhos e texturas faz toda a diferença. Crie um ambiente limpo e de fácil manutenção.

Criar um jardim sustentável.

Resultado de imagem para sustainable garden

Principal desafio para paisagistas e arquitetos será: o reaproveitamento da água, a fácil manutenção, aproveitar a área para árvores frutíferas e horta; aliados ao bom gosto para espaço de lazer e entretenimento.
Inicialmente, planejar um jardim, suficientemente grande e diversificado o suficiente para alimentar sua família pode parecer muito difícil. Quantas plantas de tomate você deve plantar para alimentar uma família de quatro? Quantas cenouras, cebolas, couve-flor, etc. Felizmente, existem algumas boas diretrizes e a tabela abaixo mostra o valor de cada tipo de vegetais para plantar. A tabela é apresentada em termos de comprimento da linha e número de plantas.
Escolha as seu gosto e de sua família respeitando o espaço.


Guia de quantidade de plantações:


Colheita
Espaçamento de plantas
Por pessoa
Família de 4
Aspargos
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
5-10 plantas
25 plantas
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 25 pés (8 m)
Feijão
2 plantas por 1 pé (30cm) de fileira
12-15 plantas
45 unidades
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 18 pés (6 m)

Beterraba
Delgado a 3 plantas por 1 pé (30cm) de fileira
20 plantas
100 plantas
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 30 pés (10 m)
Brócolis
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
3 Plantas
6 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 6 pés (2 m)
Couve de bruxelas
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
3 plantas
6 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 6 pés (2 m)
Repolho
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
3 plantas
6 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 6 pés (2 m)
Cenouras
Fino a 12 plantas por 1 pé (30 cm) de fileira
50 plantas
150 Plantas
Fila de 4 pés (1,5 m)
Fila de 12 pés (7,5 m)
Couve-flor
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
3 plantas
6 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 6 pés (2 m)
Acelga
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
3 plantas
6 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 6 pés (2 m)
Milho
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
10-15 plantas
40 plantas em blocos
Fila de 12 pés (4 m)
Fila de 36 pés (8 m)
Pepino
1 planta por 2 pés (60 cm) de fileira
1 videira
2 videiras
2 arbustos
4 arbustos
Berinjela
1 planta por 2 pés (60 cm) de fileira
2-3 plantas
7 plantas
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 12 pés (6 m)
Alho
3 plantas por 1 pé (30 cm)
10-15 plantas
40 plantas
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 18 pés (6 m)
Couve
3 plantas por 1 pé (30 cm)
3 plantas
6 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 6 pés (2 m)
Alface, Folha
Delgado a 3 plantas por 1 pé (30cm) de fileira
24 plantas
75 plantas
Fila de 8 pés (2,5 m)
Fileira de 26 pés (7,5 m)
Melão
1 planta por linha de 6 pés (2 m)
1-2 plantas
4.plantas
Fila de 18 pés (6 m)
Fila de 36 pés (12 m)
Cebola
4 conjuntos por 1 pé (30 cm) de linha
20 plantas
60 plantas
Fila de 12 pés (4 m)
Fila de 18 pés (6 m)
Ervilhas
6 plantas por 1 pé (30cm) de fileira
15-20 plantas
70 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 9 pés (3 m)
Pimenta
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
3-5 plantas
8-10 plantas
Fileira de 4 pés (1,2 m)
Fila de 8 pés (2,4 m)
Abóbora, verão
6 plantas em 2 colinas
6 plantas em 2 colinas
18 plantas em 3 colinas
Fileira de 4 pés (1,2 m)
Fila de 8 pés (2,4 m)
Nabos
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
10 plantas
60 plantas
Fila de 12 pés (4 m)
Fila de 18 pés (6 m)
Batata
1 planta por 1 pé (30 cm) de fileira
10 plantas
40 plantas
Fila de 10 pés (3 m)
Fila de 40 pés (12 m)
Rabanetes
5 plantas por pé (30 cm)
15-20 plantas
70 plantas
Fila de 3 pés (1m)
Fila de 9 pés (3 m)
Espinafre
4 plantas por 1 pé (30cm) de fileira
15 plantas
30 plantas.
Fileira de 4 pés (1,2 m)
Fila de 12 pés (4 m)
Abóbora
1 planta por linha de 6 pés (2 m)
1-2 plantas
3 plantas
2 colinas
Fila de 12 pés (4 m)
Fila de 18 pés (6 m)
Tomate
1 planta por 2 pés (60 cm) de fileira
2-4 plantas
4-6 plantas
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 12 pés (4 m)
Abobrinha
1 planta por 3 pés (1m) linha
1-2 plantas
4.plantas
Fila de 6 pés (2 m)
Fila de 12 pés (4 m)